Boletim Mensal do Observatório da Política Nacional de Saúde Integral das Populações do Campo e da Floresta

Número 01 – Janeiro/2014

Você pode nos ajudar a escolher um novo nome para este boletim! Estamos procurando um nome que tenha relação com as populações do campo, da floresta e das águas. Participe!

Análise de Conjuntura
Artigo: O perigo dos agrotóxicos, por Fernando Carneiro

O agronegócio brasileiro vem pressionando a Presidência da República e o Congresso para diminuir o papel do setor de saúde na liberação dos agrotóxicos. O Brasil é o maior consumidor desses venenos no planeta e a cada dia se torna mais dependente deles. Qual o impacto que essas medidas terão na saúde da população brasileira?

Leia mais…

Destaque
Curso em MG forma trabalhadoras rurais e da saúde em saúde mental

Em novembro de 2013, cerca de 70 trabalhadoras rurais e trabalhadores em saúde de Minas Gerais fizeram a última etapa do curso de Educação Popular em Saúde Mental promovido pelo setor de saúde do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e pela Escola de Saúde Pública de Minas Gerais (ESP/MG).

Leia mais…

A construção da Política Nacional
Saúde do trabalhador: Primeiros Cerests rurais começam a funcionar em RR, RO e MT

Em 2011, o Ministério da Saúde autorizou a criação de 10 Centros de Referência em Saúde do Trabalhador com ações voltadas prioritariamente para populações do campo e da floresta – os Cerests rurais. Esses novos espaços devem atuar diretamente com agricultores e agricultoras, agindo na prevenção de doenças e acidentes de trabalho, além de encaminhá-los para atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Leia mais…

Entrevista do mês
Lia Giraldo: o debate sobre modelos de atenção à saúde na América

No final de 2013, o Encontro Internacional de Pós Graduações em Saúde Coletiva: epidemiologia crítica e gestão reuniu pesquisadores em saúde e gestão pública de todo o continente no Equador. Lia Giraldo concedeu entrevista ao Observatório compartilhando os temas tratados durante o encontro. Ela fala sobre modelos de atenção à saúde e seus impactos deles para a gestão pública e para a formação de profissionais. Traz exemplos de experiências exitosas de programas de pós-graduação que estão tentando formar pesquisadores críticos e engajados na América Latina.

Veja a entrevista

Destaque das notícias
Novas raízes da terra são formadas em saúde do campo

Curso forma jovens técnicos em meio ambiente e saúde no Nordeste. (+)

Josué de Castro presente

Turma de técnicos e técnicas em meio ambiente perpetua ideias do geógrafo em assentamentos no PR e SC. (+)

Chamada para submissão de artigos – Revista Tempus Actas de Saúde Coletiva

Inscrições até 07 de abril de 2014. (+)

Artigo – Balanço 2013: Os descaminhos da Reforma Agrária

CPT diz que 2013 se encerra com cem desapropriações de Terras que poderão assentar menos de cinco mil famílias. (+)

Comitê Nacional de Saúde das Populações do Campo e da Floresta reúne-se em 6 de fevereiro

Encontro acontece durante a Expogep, em Brasilia. (+)

Destaques da Biblioteca

brincandonachuvadeveneno

Pontal do Buriti: brincando na chuva de veneno

Em 3 de maio de 2013, aeronave sobrevoou a Escola Municipal Rural São José do Pontal, localizada na área rural do município de Rio Verde/GO, “pulverizando”, com o veneno Engeo Pleno da Syngenta aproximadamente 100 pessoas, entre elas crianças, adolescentes e adultos, que estava na área externa do prédio em horário de recreio. Este não é um caso isolado. Direção e Roteiro: Dagmar Talga

sementesdapaixao

Guardiões das sementes da paixão

Fava orelha de vó, feijão carioca de cacho, feijão do cego, feijão macassa: agricultores e agricultoras do Polo da Borborema falam sobre a paixão por suas sementes. Assista ao filme produzido pelo Pólo Sindical da Borborema e pela AS-PTA.

 

 

Agenda
[ai1ec view=”agenda”]
Expediente:

Esta é uma publicação mensal do Observatório da Política Nacional de Saúde Integral para as Populações do Campo e da Floresta – www.saudecampofloresta.unb.br

Rodapé_informe_caminhos