Saúde das populações do campo, da floresta e das águas

Publicada em 2011, a Política Nacional de Saúde Integral das Populações do Campo, da Floresta e das Águas (PNSIPCF) tem o objetivo de garantir o direito e o acesso à saúde por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), considerando seus princípios fundamentais de equidade, universalidade e integralidade. Ela abre caminhos para incluir as peculiaridades, especificidades e necessidades em saúde dos trabalhadoras/es rurais, dos povos da floresta e comunidades tradicionais.

As populações do campo, da floresta e das águas têm seus modos de vida, produção e reprodução social relacionados predominantemente com a terra e com a água. São os grupos que habitam ou usam reservas extrativistas em áreas florestais ou aquáticas, camponesas/es, agricultoras/es familiares, trabalhadoras/es rurais assentadas/os ou acampadas/os, trabalhadoras/es assalariadas/os e temporárias/os.

Conheça os objetivos, princípios, diretrizes, atribuições e termos usados na Política Nacional de Saúde Integral das Populações do Campo, da Floresta e das Águas

Documentos completos

 

Acesse aqui a página do Ministério da Saúde sobre Saúde da População do Campo, da Floresta e das Águas com textos e documentos oficiais.